Retire o seu exame
Médico
Paciente
Exame das mamas: prevenindo o câncer

A partir da primeira menstruação (menarca), quando as mamas ficam expostas aos estímulos hormonais, o desenvolvimento mamário avança. É também o período indicado para se iniciar o autoexame das mamas para detectar e acompanhar alterações no tecido mamário. A Mamografia também é indicada por mostrar o câncer muito antes de ser palpável. Esse exame deve ser realizado por toda mulher acima de 40 anos de idade e é importante que a "chapa" ou imagens do resultado sejam guardadas para futuras comparações. A mamografia, exame de alta sensibilidade, é o método mais recomendado para o diagnóstico precoce do câncer de mama, e é feito com um equipamento específico de raio-X, o mamógrafo, que tem capacidade de produzir imagens de alta resolução, permitindo detectar pequenos tumores que não puderam ser palpáveis através do autoexame.

Existem dois tipos de aparelhos para a realização da mamografia: o convencional e a digitalizado. A mamografia digitalizada se assemelha à convencional por usar raios-X na produção das imagens, porém o sistema é equipado com um computador ao invés de gravar as imagens em um filme. Com mamografia digitalizada, a imagem é capturada por um detector eletrônico especial de raios-X o qual converte a imagem numa foto digitalizada, podendo ser visualizada em monitores de alta resolução, além de poderem ser armazenadas em programas de computadores.

O autoexame das mamas leva apenas alguns minutos, deve ser realizado pelo menos uma vez ao mês e inicia-se com a mulher em pé diante de um espelho, com as mãos na cintura, observando as mamas em busca de eventuais assimetrias, rugosidades, além de sinais de inflamação. No entanto, o Instituto Nacional do Câncer no Brasil recomenda que esse autoexame não substitua o exame clínico de mama, que deve ser feito anualmente por um médico.

Recomendações do autoexame das mamas

Faça o exame uma semana após acabar o fluxo menstrual. A finalidade do autoexame não é "encontrar" alguma coisa, mas acostumá-la a examinar a sua mama. Isso permitirá que você encontre alguma mudança e possa avisar o seu médico.

O autoexame pode ser feito em frente ao espelho ou no chuveiro. No primeiro caso, fique em pé em frente ao espelho e examine atentamente suas mamas. Observe as formas, a cor e a textura da pele. Levante os braços devagar, olhando atentamente a imagem no espelho. Após o procedimento, coloque a mão na cintura e examine novamente suas mamas. No segundo caso, levante seu braço esquerdo e coloque-o sobre a cabeça. Com a mão direita esticada, examine a mama esquerda. Use as polpas de seus dedos e não as pontas ou as unhas. Não faça o movimento de "pegar alguma coisa", mas, sim, de "sentir" a mama. Repita o movimento na outra mama. Avise o seu médico ao perceber mudanças na forma ou coloração das mamas, pele tipo “casca de laranja”, nódulos ou coroços, líquido saindo dos mamilos.

Não entre em pânico. Lembre-se: o que você vê ou sente em sua mama não significa que você tenha câncer, mas é um sinal importante para você procurar o seu médico. Somente o profissional da saúde é quem pode indicar e interpretar os resultados dos seus exames.

ATENDIMENTO
(11) 2164-5000
atendimento@fleming.med.br
comercial@fleming.med.br
compras@fleming.med.br
rh@fleming.med.br
sac@fleming.med.br
HORÁRIO DE COLETA
Segunda a Sexta
das 06:30 às 15:00 hs
Sábado
das 06:30 às 12:00 hs
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
Segunda a Sexta
das 06:30 às 18:00 hs
Sábado
das 06:30 às 13:00 hs
SELO DE QUALIDADE
FLEMING - 2013 - 2015
Digital Thai 2013